19 ago Jogos na web: um novo horizonte para o HTML5

Ah, o maravilhoso mundo do HTML5! A cada dia o número desenvolvedores utilizando a linguagem aumenta, novos experimentos surgem e mostram um futuro promissor, seja no desenvolvimento front-end, com a nova estrutura de marcação, na criação de aplicativos mobile ou até no desenvolvimento jogos. Hoje vou escrever justamente sobre o desenvolvimento de jogos com HTML5.

Acho que todos os entusiastas da linguagem já conhecem a versão do Quake II desenvolvida em HTML5 pela equipe do Google, se você ainda não conhece, dá uma olhada aqui. Bacana, não? Excelente case. Porém hoje vou mostrar alguns experimentos criados por desenvolvedores independentes, que resultaram em alguns joguinhos capazes de acabar com a nossa produtividade.

Helicopter

Não preciso explicar!
Para jogar: http://migre.me/12MJw

Sinuous

Controle com o mouse, não bata nas bolinhas vermelhas ou pegue o escudo para destruí-las.
Para jogar: http://migre.me/12MOr

WPilot

Space Shooter baseado no antigo XPilot, possui uma lista de servidores para você jogar em multiplayer.
Para jogar: http://migre.me/12MPM

Asteroids

Outro Space Shooter, mais simples que o WPilot.
Para jogar: http://migre.me/12MV6

Crystal Galaxy

Mais um Space Shooter.
Para jogar: http://migre.me/12MY7

Orbium

Encaixe as bolas da mesma cor para completar a roda e ganhar pontos, um bom passatempo.
Para jogar: http://migre.me/12N4H

Berts Breakdown

Jogo de Plataforma, baseado nas séries Super Mário e Sonic.
Para jogar: http://migre.me/12N8e

Guitar

Monte seus acordes.
Para jogar: http://migre.me/12Nk1

Voxel

Coloquei esse exemplo de espaçamento voxel para mostrar o que a API do canvas é capaz de fazer. Claro que é um exemplo simples e pesado, mas aponta para um caminho bem interessante no desenvolvimento de jogos nativos em navegadores.
Para jogar: http://migre.me/12OiX

Desenvolvendo Jogos

A Effect Games, criadora do Crystal Galaxy, tem uma plataforma para desenvolvimento de jogos baseados em navegadores, online e gratuita. Acesse o tutorial de criação de um jogo de plataforma para entender como funciona a ferramenta.

WebGL

Charles J. Cliffe (@ccliffe) tem desenvolvido alguns trabalhos de cair o queixo usando HTML5 e WebGL, seguem dois exemplos:

Conclusão

Esses poucos projetos que apresentei têm apontado um dos alvos que os desenvolvedores pretendem atingir com a linguagem. Quero destacar também o desenvolvimento para dispositivos móveis; acredito que a chegada do HTML5 vai trazer mais aplicativos nativos, destinados principalmente para a plataforma da Apple, mas esse vai ser o tema do próximo artigo. Até lá!

 

Créditos:Leonardo Moreira