Tirar o máximo proveito de suas campanhas publicitárias é essencial nos dias de hoje, já que as compras online continuam a crescer em popularidade. Aumentar a visibilidade de novos produtos, promover itens populares sobre os de baixo desempenho e criar diversas estratégias de preços são táticas que você pode empregar usando rótulos personalizados em seu feed de produtos.

Quando usados ​​estrategicamente, os rótulos personalizados podem melhorar seu desempenho e reduzir os custos de aquisição de clientes. Parece muito legal, certo? Vamos dar uma olhada mais de perto no herói anônimo dos anúncios de compras.

O que é um rótulo personalizado?

Caso você precise de uma atualização, um rótulo personalizado é um atributo de feed que você pode usar para filtrar produtos em grupos por qualquer critério de sua escolha. Os rótulos personalizados são apenas para seu uso e não aparecem para os clientes.

A maioria dos canais de marketing (incluindo Google, Facebook, Microsoft Ads, Pinterest, Criteo e mais) tem alguma versão de um atributo de “rótulo personalizado” que você pode aproveitar para suas campanhas. Por exemplo, em um feed do Google Shopping, você pode usar cinco rótulos personalizados, começando com “Rótulo personalizado 0” e terminando com “Rótulo personalizado 4”. Você pode usar “Rótulo personalizado 0” para identificar 15 de seus produtos como um “best-seller”.

O Google permite que você segmente seus produtos em 6 atributos diferentes, incluindo “Categoria”, “Marca”, “ID do item”, “Condição”, “Tipo de produto” e “Canal”, além de rótulos personalizados. Quando os atributos do Google como “Marca” ou “Tipo de produto” são muito amplos para segmentação, ou os produtos dentro desses grupos ainda são muito diferentes uns dos outros, os rótulos personalizados são úteis. Rótulos personalizados permitem mais flexibilidade em uma estrutura estruturada.

Por que usar rótulos personalizados?

Aplicar rótulos personalizados a grupos de produtos em seu catálogo é uma forma de se preparar para executar uma estratégia de marketing melhor. Com os rótulos personalizados, você pode segmentar produtos em vários grupos com base em atributos semelhantes e ajustar sua estratégia de lances de acordo, quer esteja usando lances manuais, estratégias de lances ou campanhas inteligentes do Shopping. Essa segmentação adicional também permite que você analise o desempenho de forma mais granular e descubra tendências e insights.

Com a ferramenta certa de gerenciamento de feed, você pode configurar diferentes rótulos personalizados para diferentes exportações, criar regras dinâmicas para aplicar rótulos a novos produtos e combinar dados de várias fontes para tomar decisões baseadas em dados.

Como posso usar rótulos personalizados?

Depois de ter um feed otimizado, a segmentação de lance adequada é a próxima etapa essencial para um bom desempenho em campanhas de marketing de busca. Desenvolvemos nove maneiras poderosas de segmentar seus lances usando rótulos personalizados para melhorar o desempenho no Google Shopping .

1. Etiquetas personalizadas de preços

Os pontos de preços, ou intervalos de preços, são um ponto de dados comumente usado para etiquetas personalizadas poderosas. Os intervalos de preços permitem que você separe seus produtos por faixa de preço. Por exemplo, um produto que custa R$ 12,99 pode cair na faixa de preço “R$ 0- R$ 50”.

Esse rótulo pode ser especialmente útil quando há grandes variações nos preços de uma única marca ou tipo de produto.

Embora às vezes possa parecer ideal aumentar os lances de uma determinada marca ou grupo de tipo de produto específico, fazer isso de forma geral pode ser um desperdício. Ao aumentar todos os lances apenas com base no tipo de produto ou marca, você corre o risco de fazer lances altos para conversões de baixo valor que não justificam seu custo. Em vez disso, ao utilizar pontos de preço em sua segmentação, você pode atribuir lances com base nos valores de conversão em potencial dos produtos, otimizar os gastos com anúncios e manter seus outros KPIs no caminho certo!

2. Rótulos personalizados de desempenho

De forma geral, a Lei dos Poucos Vitais afirma que 80% dos resultados podem ser atribuídos a 20% das causas. Aplicado ao comércio eletrônico, isso significa que 80% da receita de vendas vem de aproximadamente 20% dos produtos. Encontrar esses 20% mágicos está longe de ser mágico, isso pode ser feito com rótulos personalizados de desempenho.

Normalmente, pode-se decidir sobre os pontos de corte para desempenho ruim / bom / melhor com base nas métricas do Google Ads. Idealmente, você deseja incorporar seus dados de desempenho de anúncios dinamicamente, para que essas métricas possam ser atualizadas por produto continuamente.

Depois de separar seus melhores desempenhos, você poderá dar lances mais altos em anúncios para esses produtos ou até mesmo criar campanhas diferentes com orçamentos mais altos. A criação de campanhas separadas para os mais vendidos, bons vendedores e de baixo desempenho seria especialmente útil ao usar estratégias de lances automáticos. Você pode definir um orçamento mais alto para sua campanha mais vendida e orçamentos mais baixos para as outras campanhas.

3. Rótulos personalizados de preços competitivos

A tecnologia permite que você crie etiquetas personalizadas com base em como os concorrentes estão precificando seus produtos em seus sites. Se você sabe que tem o produto mais barato, convém aumentar seu lance porque há uma probabilidade maior de que ele tenha uma conversão melhor. Por outro lado, se o seu produto for mais caro do que o da concorrência, você pode diminuir o lance.

4. Rótulos personalizados de lucratividade

Você pode juntar dados de várias fontes em um feed principal, você pode facilmente trazer dados de lucratividade em um nível por SKU para o seu feed. Isso significa que você pode criar regras para rótulos personalizados de lucratividade. Se você sabe que um produto tem uma margem de lucro maior, pode criar um rótulo personalizado para aumentar seu lance. Se suas margens de lucro forem baixas, um rótulo personalizado com base no lucro pode permitir que você reduza seus lances e, portanto, economize seu orçamento para produtos com margens mais altas.

Por exemplo, você pode ter apenas R$ 5,00 de lucro na venda de um chapéu, mas pode ter R$ 80,00 de lucro na venda de um belo relógio. Usando rótulos personalizados, você seria capaz de segmentar seus produtos e dar lances mais altos em anúncios para o relógio do que para o chapéu.

5. Etiquetas personalizadas de venda

Outro ótimo rótulo personalizado é para itens em promoção. Ao marcar itens como “em promoção”, você pode aumentar os lances, pois esses itens têm muito mais probabilidade de serem convertidos com um desconto no preço. Isso é útil para dias de liquidação, como Memorial Day, Black Friday e Cyber ​​Monday. Recomendamos configurar suas campanhas de vendas de fim de ano pelo menos duas semanas antes do início da temporada.

6. Rótulos personalizados sazonais

Rótulos sazonais como “Outono”, “Inverno”, “Primavera” e “Verão” podem ser usados ​​para promover seu inventário em diferentes momentos ao longo do ano, sem ciclo de produtos dentro e fora do feed. Assim que uma temporada começa ou termina, você pode ativar e desativar grupos de produtos no nível da campanha e / ou ajustar os lances.

7. Rótulos personalizados de gênero

Você pode usar rótulos personalizados para separar os produtos por gênero. Por exemplo, sua marca pode vender produtos que são comprados principalmente por mulheres, mas você ainda tem alguns itens para homens dentro do mesmo tipo de produto. Se os produtos masculinos normalmente não apresentam um desempenho tão bom, você pode usar seus rótulos personalizados de gênero para excluir esses produtos da campanha.

Com rótulos personalizados de gênero, você também pode ajustar seus lances com base na qualidade de vendas de seus produtos para mulheres em comparação com os homens. Por exemplo, se as roupas femininas tradicionalmente vendem mais do que as masculinas, você pode usar a segmentação de etiquetas personalizadas para aumentar os lances apenas em suas campanhas de roupas femininas.

8. Etiquetas personalizadas de coleção de produtos

E se você tiver uma nova coleção de produtos ou produtos em destaque que deseja promover? Você pode desejar fazer lances mais agressivos para que seus produtos sejam exibidos com mais destaque nas primeiras posições dos resultados de pesquisa. Identificar sua coleção em destaque com um rótulo personalizado também fornecerá mais capacidade de medir o desempenho dessa coleção.

9. Envio de etiquetas personalizadas

Se você oferece diferentes tipos de frete para seus produtos, pode ser útil segmentar seus produtos por essas ofertas de frete. Por exemplo, você pode querer ver o desempenho de seus produtos com frete grátis em comparação com produtos que não oferecem frete grátis.

A segmentação de rótulo personalizado pode realmente fazer a diferença em desempenho, lucratividade e relatórios, embora seja um dos recursos de anúncios menos utilizados. Conforme a competição online se torna mais acirrada, você precisará usar o máximo de ferramentas que puder para se destacar.

Confira algumas técnicas que você pode usar no Instagram para melhorar o seu tráfego orgânico.

Um dos maiores desafios de quem possui um negócio digital é aumentar o tráfego orgânico do seu site ou perfil nas redes sociais. No entanto, existem algumas táticas utilizadas por profissionais de marketing que ajudam a aumentar a visibilidade da empresa e atrair mais leads.

O ponto de partida para qualquer empresa que deseja ter sucesso na internet através do tráfego orgânico é criar um bom conteúdo. É através dele que o público irá se interessar pelo seu perfil e aos poucos se tornar um visitante fiel. Além disso, investir em SEO pode fazer toda a diferença no alcance dos seus posts.

Mas o marketing também oferece outros recursos que podem contribuir para que você tenha mais seguidores no Instagram. Vamos conhecer os principais nas próximas linhas dessa matéria.

O que é o tráfego orgânico

Tráfego orgânico é uma estratégia do marketing digital que tem como objetivo atrair mais clientes para um perfil ou site, sem que a empresa precise patrocinar links e anúncios. Tráfego no Instagram são as visitas, visualizações e interações em publicações e stories.

Tráfego orgânico: 8 dicas para atrair seguidores no Instagram
Reprodução / Pexels

Para chegar ao seu objetivo, a empresa precisa aplicar algumas técnicas nas suas redes sociais e entender bem de funil de vendas. Além disso, ela precisa conhecer seu público e o comportamento dele. Assim fica mais fácil produzir conteúdos direcionados para ele.

A grande vantagem de investir em tráfego orgânico é o custo baixo. Porém, o tempo para a conquista do cliente costuma ser um pouco maior, o que pode ser bom na construção de um relacionamento com ele. Se interessou em saber mais sobre essa tática de marketing digital? Listamos no próximo tópico algumas dicas para quem deseja investir no tráfego espontâneo.

Dicas para otimizar a sua estratégia através do tráfego orgânico

Se você ainda não sabe como gerar leads e aumentar seus seguidores no Instagram através do tráfego orgânico, confira as informações que separamos para você.

Mude sua conta para perfil comercial

Não esqueça de trocar a sua conta para um perfil comercial. Só assim você poderá acessar as métricas, ver informações sobre a empresa e sobre os seus seguidores, e saber os melhores horários para postar.

Cuide do link da bio

Tráfego orgânico: 8 dicas para atrair seguidores no Instagram
Reprodução / Pexels

Invista numa biografia do Instagram que seja organizada e conte em poucas palavras quem você é. A sua descrição irá atrair o seu público certo e fazê-lo entender qual o seu tipo de negócio. Além disso, insira um link que direcione o seu cliente ao seu site ou página de vendas. Certamente, essa é uma tática que será benéfica tanto para o seu perfil na rede social, quanto no seu site.

Conte histórias reais

Como já mencionamos, o marketing de conteúdo é uma das principais estratégias de atração. Por isso, busque fazer posts interessantes. Além disso, estude sobre storytelling e aprenda a contar histórias interessantes que atraiam a atenção do seu seguidor.

Tenha uma regularidade de posts

Não basta apenas criar bons conteúdos para melhorar o seu tráfego orgânico, como também ter uma certa regularidade nas postagens. Sem isso, sua marca perderá autoridade e não será lembrada pelos seus seguidores. Como consequência, não haverá engajamento.

Utilize hashtags para alcançar mais pessoas através do tráfego orgânico

As hashtags ainda são elementos fundamentais na atração e fidelização de clientes. Através delas, você poderá filtrar os assuntos de interesse do seu público e aumentar a exposição da sua empresa no Instagram.

Tags com preços são importantes

Tráfego orgânico: 8 dicas para atrair seguidores no Instagram
Reprodução / Pexels

Uma das principais maneiras de afastar um cliente de um perfil no Instagram é não colocar preço nos produtos publicados. Então, as tags são ótimas para levar o cliente à compra, sem que ele mesmo saiba que tem interesse no produto.

Insira call to actions nos textos para ter um bom tráfego orgânico

As CTA’s tem um alto impacto na leitura. Elas provocam a curiosidade do leitor e o estimula a pesquisar e conhecer mais sobre a sua empresa. Por isso, utilize esse recurso com sabedoria.

Conheça os recursos do Instagram

O Instagram é uma rede social repleta de recursos e que oferece ao produtor de conteúdo diversas possibilidades de criação. Então desbrave cada função e ferramenta, como o Reels, IGTV, os Stories, entre outros recursos.

O tráfego orgânico é o desejo de todo lojista.  Entretanto, até que as estratégias de SEO comecem a dar certo, leva um […]

O tráfego orgânico é o desejo de todo lojista.

Entretanto, até que as estratégias de SEO comecem a dar certo, leva um certo tempo. Por isso, é essencial que novos lojistas invistam em campanhas pagas. No mais, mesmo após receber tráfego orgânico, as lojas seguem realizando campanhas pagas.

Isso acontece porque nenhum lojista quer perder visibilidade para a concorrência e muito menos, no caso do Google Ads, que o concorrente apareça primeiro quando o nome de sua loja for pesquisada.

Assim, vamos fazer sobre Google Ads e como realizar uma campanha na prática. Tutorial atualizado para 2021.

O que é Google Ads?

Google Ads é uma ferramenta de anúncios do Google. Com ele é possível anunciar dentro do próprio buscador, mas também fora dele, com remarketing e anúncios no YouTube.

O ideal é que os anúncios do Google Ads sejam feitos por pessoas que estudam e entendem do assunto, pois, a segmentação e a estratégias são fundamentais para que uma campanha funcione.

Fora isso, será apenas um desperdício de dinheiro.

Quais os formatos para Google Ads?

Como citamos no tópico anterior, o Google Ads é uma ferramenta de anúncios do Google. Com ela é possível anunciar em diferentes lugares, com diferentes formatos.

Rede de pesquisa (Search):

Os anúncios de Search são o formato mais conhecido do Google Ads e muita gente acha que a ferramenta se resume apenas a ele.

Nessa altura, você já sabe que existem diversos formatos, mas a Rede de Pesquisa ou Search, devem estar presentes nas maiorias das estratégias. Pois, trabalham com palavras-chave procuradas no maior buscador do mundo.

O anúncio Search é aquele que aparece destacado no topo da página ou no final dela. Além disso, as páginas aparecem com a tag Anúncio, para que o consumidor tenha plena consciência de aquele link é uma publicidade.

Os anunciantes dão lances nas palavras desejadas e, quando bem feito, o resultado é imediato.

Lembrando que todo o texto é você quem insere na plataforma. Vamos falar disso em nosso passo a passo.

Display:

Os anúncios de Display são usados mais para branding e podem possuir imagem.

Eles podem ser exibidos na página de pesquisa do Google ou na Rede de Display do Google (GDN). GND são sites que fazem parte da rede de anunciantes do Google Ads. Eles sedem seus espaços para a publicidade dos anunciantes.

Ao selecionar os assuntos de interesse de seu público-alvo, o Google poderá fazer essas exibições em sites e blogs com conteúdo relacionado.

Além disso, se seu site tiver pixel, seu anúncio pode “perseguir” o consumidor em diversos sites que façam parte da GND.

Google Shopping:

O Google Shopping, sem dúvida, é o anúncio mais atrativo dentro das possibilidades do Google Ads.

De fato, não é para todos os seguimos, para quem vender serviço, por exemplo. Entretanto, o fato de exibir título, imagem, preço, loja anunciantes e até tag de promoção, faz com que essa seja uma estratégia impressionante.

Entretanto, o Google Shopping requer muita atenção. Sua loja pode ter sérios problemas caso alguma das informações esteja divergente na página final. Além disso, muitos produtos acabam e o anúncio continua rodando no Google Shopping. Esse acontecimento traz grande frustração para o consumidor.

Vídeo:

O Google comprou o YouTube já há bastante tempo e desde então, é quem controla os anúncios exibidos na plataforma de vídeo mais consumida do mundo.

Deste modo, os anúncios em vídeo no YouTube também são feitos pelo Google Ads.

São infinitas possibilidades. O anunciante pode fazer um vídeo de poucos segundos, para que o usuário não tenha tempo de pular, para uma ação de branding. Ou cortar uma parte incrível de um vídeo e tentar fazer com que o usuário se interesse e clique.

O importante, neste caso, é usar o curto espaço de tempo da melhor forma e fazer com que sua marca fique na cabeça do clique, ou que ele interaja com o anúncio.

Vale ressaltar que a estratégia de vídeo pode estar atrelada a algum anúncio estático na mesma página, como vemos no exemplo a seguir.

Lembrando que o “não pule esse vídeo” já está bastante ultrapassado.

Quais nichos devem anunciar no Google Ads?

O Google Ads possui vários formatos. Ou seja, um deles, sem dúvida, se encaixa em seu negócio.

Ou seja, absolutamente todo negócio que tenha um site, blog ou landing page, pode e deve anunciar no Google Ads.

De fato, algumas palavras-chave possuem valor mais alto por clique ou visualização. Entretanto, é importante ficar de olho no retorno dessas campanhas para saber se estão dando lucro.

Como realizar anúncios do Google Ads Search na prática

Aqui vamos ficar nos anúncios de Search e Display. Os demais seguirão mais ou menos a mesma linha, mudando por suas especificações.

Lembrando que aqui explicaremos o passo a passo na prática. A estratégia para vender vai depender de seu negócio e do especialista.

  1. Crie sua conta no Google Ads ou acesse se já tiver cadastro. É importante lembrar que é necessário ser uma conta Gmail. 
  2. Clique em Nova Campanha ou no símbolo de + e selecione o objetivo.
  3. Selecione qual o formato de anúncio que deseja realizar. Aqui, selecionamos a rede de pesquisa para exemplificar.
  4. Insira seu site, blog ou landing page e clique em continuar.
  5. Insira um nome para a campanha. Aqui, você poderá deixar selecionado apenas a rede de pesquisa ou incluir os anúncios de display. De fato, para uma estratégia mais assertiva, é melhor realizar a campanha de display de forma individual. No exemplo mantivemos selecionado para melhor otimização de tempo.
  6. Defina todos os detalhes da campanha, início, término e dias da semana.
  7. Segmente seu público-alvo. Esse é um passo muito importante! Você poderá anunciar para o mundo inteiro ou apenas para a sua cidade. Então, é essencial ficar atento a esse passo.
  8. Aqui você selecionará os idiomas para quais seus anúncios serão distribuídos. Recomendamos manter o português e também o inglês, pois, muitos usuários utilizam navegadores no idioma inglês.
  9. Agora é o momento de especificar mais sobre seu público-alvo ou persona. Em alguns casos essa segmentação é óbvia. Em outras, requer um pouco mais de estudo para maior assertividade.
  10. Nessa tela, você definirá seu orçamento. Lembrando que no bloco Orçamento, se trata de um orçamento diário. Ou seja, o quanto essa campanha gastará por dia.
    No bloco Lances, você definirá em qual métrica a campanha deve focar. Se o foco for vender, recomendamos manter a opção Conversões.
  11. Insira informações adicionais para melhorar a performance de seu anúncio. Clique em Salvar e Continuar.
  12. Aqui é momento de inserir suas palavras-chave. Apenas pela URL, a ferramenta fará uma série de recomendações. Entretanto, é importante verificar se essas palavras fazem sentido com o seu objetivo. Além disso, não é necessário inserir milhares de palavras por anúncio. Muitas vezes menos é mais.
    Além disso, você poderá renomear seu Grupo de Anúncios.
  13. O próximo passo será criar seu anúncio. Utilize suas Palavras-chave, não ultrapasse o limite de caracteres e preencha os títulos, ao menos até o título 2. Na lateral, você verá uma prévia de como ficará seu anúncio.
  14. Insira a URL final para onde direcionará o anúncio. Caso queria, é possível inserir um parâmetro personalizado e uma URL diferente para acessos via dispositivos móveis.
    Após isso, clique em Salvar e Continuar.
  15. Por fim, revise sua campanha, analise os parâmetros e fique atento ao orçamento. Se estiver tudo certo, clique em Publicar.

Observação importante: 

A simulação foi feita em uma conta previamente configurada com meio de pagamento. Quando for a primeira campanha, será necessário optar pela forma de pagamento. Que pode ser boleto (os créditos ficarão na conta e a campanha interrompida quando os créditos acabarem) ou cartão de crédito, onde a cobrança é feita automaticamente.

Para lojistas que estão começando a anunciar, recomendamos o pagamento de boletos para melhor controle de orçamento. Com os créditos em sua conta, você terá certeza de que a campanha não ultrapassará aquele valor.

Analise os resultados

A campanha está gastando muito e não está convertendo? Pause e tente uma nova estratégia.

A falta de resultados pode ter diversas origens, como: público-alvo mal segmentado, excesso ou escassez de palavras-chave, baixo orçamento etc.

Ou seja, é importante acompanhar os resultados para otimizar seu investimento.


O marketing digital é uma estratégia atualmente difundida entre micro e pequenas empresas que almejam alavancar suas vendas

O marketing digital é uma série de atividades promocionais que uma empresa pode realizar por meio da internet para promover seus produtos, fortalecer sua marca e expandir sua base de clientes.

Em uma época como a atual, em que o mundo real e o virtual estão cada vez mais caóticos (devido ao fenômeno da mobilidade, da transformação digital e das mídias sociais), as estratégias de vendas mais bem-sucedidas são aquelas que utilizam técnicas de marketing digital.

Para quem está procurando melhorar o desempenho da própria estratégia de marketing digital, mas não sabe por onde começar, há algumas direções que pode seguir.

Afinal, essa pode ser uma tarefa complexa; portanto, além de atender às expectativas e problemas dos clientes em potencial, é também preciso desenvolver uma estratégia focada em resultados.

Dicas para aumentar vendas com marketing digital

O marketing digital cresceu exponencialmente nos últimos anos. Há diversas estratégias e cases de sucesso espalhados pela web. Contudo, é preciso começar devagar, trilhando a base para saber sustentar no futuro. Nada é feito de uma hora para a outra, portanto a essência está, principalmente, em começar muito bem para que, no futuro a curto, médio e longo prazo, a estratégia do presente se reflita positivamente nos próximos meses/anos.

Planejamento é tudo no marketing digital

Não existe estratégia de marketing digital sem planejamento estratégico.

As ações não devem ser impulsivas, mas sempre pensadas. Por isso, existem alguns detalhes a se ater antes de começar a foca e direcionar as estratégias propostas.

  • Qual objetivo da estratégia? Aumentar a popularidade da marca ou aumentar o tráfego para um site de vendas específico?
  • Qual é o plano de ação? Com quem você está falando? Qual é o grande problema do público a ser solucionado?
  • Quem são os concorrentes? Como eles fazem a estratégia digital deles? Com qual linguagem?
  • Como medir audiência e os resultados de campanhas?

Cada uma destas perguntas precisa ter uma resposta para, então, ter o direcionamento do que fazer.

 

Orçamento para saber como investir

Primeiro, é preciso entender os objetivos e o esforço que fará para alcançar os resultados esperados. Em primeiro lugar, deve ser respondida a seguinte pergunta: quanto orçamento a minha empresa pode investir em promoções online? Com essa resposta, a próxima pergunta é: onde investir? Qual mídia usar? Qual estratégia adotar?

E de acordo com sua segmentação e função, definir o canal mais eficaz para sua comunicação é o início da própria estratégia.

Por fim, antes de agregar novos clientes, é preciso manter e atrair clientes que sua empresa já possui. Portanto, o controle estrito do histórico do cliente para monitorar de perto as negociações existentes e ter acesso a relatórios e gráficos de vendas é um fator crucial.

Existem várias ferramentas de marketing obrigatórias para expandir seus negócios de comércio eletrônico e otimizar sua presença online. No ambiente competitivo de comércio eletrônico em constante mudança, as melhores ferramentas de marketing são essenciais para aumentar suas vendas online, gerar oportunidades de negócios rapidamente e gerar conversões.

Com tantas ferramentas populares disponíveis no mercado, vários fatores devem ser considerados antes de tomar sua decisão. Reservar um tempo para avaliar vários fatores relacionados a preço, funcionalidade e confiabilidade é vital para selecionar as melhores soluções de marketing. Para ajudá-lo a fazer sua escolha, compilamos uma lista das ferramentas de marketing de comércio eletrônico obrigatórias para expandir seus negócios online.

UBERSUGGEST

Ubersuggest é uma ferramenta de marketing indispensável para ajudá-lo a expandir seu negócio de comércio eletrônico. Propriedade do especialista em marketing Neil Patel, a plataforma Ubersuggest fornece relatórios detalhados que permitem analisar facilmente qualquer domínio ou palavra-chave.

A plataforma de SEO gratuita conduzirá uma visão geral completa do domínio que inclui tráfego de pesquisa orgânica, dados de backlink e posição de palavra-chave. Obviamente, esse tipo de dado pode revelar palavras-chave que seus concorrentes estão almejando e classificando atualmente. Compreendendo esses dados, você pode aproveitar as sugestões de palavras-chave para produzir novo conteúdo, otimizar suas páginas e criar links para seu site.

Você pode até usar a plataforma para conduzir uma auditoria SEO Analyzer em seu site de comércio eletrônico . O uso de ferramentas populares de SEO como o Ubersuggest oferece ao seu negócio uma oportunidade integral de crescimento online.

REFERRALCANDY

Em seguida, ReferralCandy é uma ferramenta exclusiva de marketing de comércio eletrônico para otimizar sua presença digital. A poderosa ferramenta de marketing foi fundada em 2009 e atualmente opera programas de referência para mais de 30.000 lojas online. Especificamente, a plataforma permite que você crie um programa de referência personalizado para sua loja de comércio eletrônico.

ReferralCandy permite que você escolha recompensas personalizadas, como descontos em lojas, pagamentos em dinheiro e presentes personalizados para indicar clientes. Obviamente, esse tipo de dados ajuda você a rastrear facilmente o tráfego, aumentar seu ROI e economizar tempo valioso. Usando esses dados, você pode aumentar o engajamento e melhorar o sucesso de referência para sua plataforma de comércio eletrônico. Usando esta solução popular, você pode efetivamente dar o pontapé inicial em sua estratégia de marketing boca a boca . Se você está procurando uma ferramenta popular de marketing de comércio eletrônico, o Referral Candy oferece todos os recursos essenciais para expandir seus negócios em 2020.

EZ TEXTING SMS MARKETING

EZ Texting é uma ferramenta de publicidade obrigatória para ajudá-lo a expandir seu negócio de comércio eletrônico. Esta é uma solução amplamente utilizada por profissionais de marketing que buscam maneiras inteligentes de usar mensagens de texto nos negócios. A ferramenta de marketing de texto permite que você execute concursos, distribua cupons e anuncie promoções atuais em sua loja online. Obviamente, participar dessas atividades promocionais é uma ótima maneira de gerar leads, aumentar sua lista de opt-in e obter informações valiosas sobre seus clientes. Usando essas informações, você pode agilizar as comunicações com o cliente enquanto aumenta a fidelidade à marca.

Além disso, a plataforma de marketing SMS permite enviar notificações de emergência, alertas e lembretes para manter seu público constantemente informado. Se você está procurando uma ferramenta exclusiva de marketing de comércio eletrônico, a EZ Texting oferece um pacote de serviços exclusivos para ajudá-lo a alavancar e envolver sua base de clientes.

IMPROVAVELMENTE

Improvely é uma ferramenta de marketing eficaz indispensável para começar a usar para estabelecer sua presença digital. A ferramenta de marketing fornece relatórios detalhados sobre o tráfego orgânico, SEO , tráfego de mídia social e paga.

A plataforma o ajudará a rastrear conversões, monitorar fraudes de cliques e obter informações detalhadas sobre o tráfego de pesquisa. Claro, esse tipo de dados pode descobrir de onde vem a maior parte do tráfego do seu site. Usando essas informações, você pode identificar seus melhores clientes, rastrear visitas repetidas e acessar modelos de atribuição de conversão avançados. Além disso, a plataforma permite que você visualize endereços IP, informações do dispositivo e referências principais.

Se você está procurando uma solução popular de marketing de comércio eletrônico para o seu negócio online, o Improvely possui todos os principais recursos para escalar sua plataforma.

OTIMIZADAMENTE

Optimizely é uma ferramenta de marketing amplamente utilizada por proprietários de lojas de comércio eletrônico. A plataforma oferece um conjunto de recursos para ajudá-lo a atrair e reter clientes. Optimizely o ajudará a direcionar suas mensagens, personalizar suas campanhas e impulsionar o crescimento de seu negócio online. Obviamente, esses dados podem revelar informações sobre quais mensagens ajudam a gerar o máximo de conversões , retenção e valor geral de vendas . Usando essas informações, você pode tomar decisões de marketing impactantes para expandir seus negócios de comércio eletrônico.

Além disso, a plataforma ajuda a otimizar páginas de destino, design UX e seu funil de vendas digital. Com mais de vinte das 100 maiores empresas globais da Fortune já dependendo dessa solução popular, a Optimizely oferece todos os recursos-chave para expandir sua plataforma de comércio eletrônico.

SALES NAVIGATOR

Sales Navigator é uma ferramenta de marketing eficaz para expandir seus negócios online com o LinkedIn. Uma solução incrivelmente poderosa, o Sales Navigator do LinkedIn é utilizado atualmente por mais de 80% da Forbes Cloud 100, incluindo grandes empresas como PayPal, SAP e JLL.

A plataforma permite que você construa relacionamentos com os clientes acessando a rede profissional do LinkedIn. Claro, esse tipo de dados pode ajudá-lo a fechar taxas de ganhos mais altas, negócios maiores e mais pipeline de oportunidades originadas. O uso dessas métricas pode ajudá-lo a entender os principais insights, atingir o público certo e personalizar seu alcance. Se você estiver interessado em uma ferramenta de marketing de comércio eletrônico eficaz, o Sales Navigator do LinkedIn oferece todos os recursos avançados para prospectar novos leads com mais eficácia.

error: Alerta: O conteúdo está protegido !!