08 maio Megainfográfico traz estatísticas e dados sobre o universo dos e-books no Brasil

 

Sabe quanto um escritor que empenhou horas e mais horas – algumas vezes até anos e mais anos – na pesquisa e produção de um livro recebe do valor de capa? De 10% a 15%. Cerca de 50% fica com a livraria, que faz todo o processo de distrubuição dos livros por suas cadeias de lojas e o restante do valoe fica com a produção do livro em si. Só por esse fato já torna o livro um modo de vida quase inviável para quem escreve e, principalmente, inviável para quem compra, pois o livro no Brasil é, sim, caro.

Acontece que com os livros digitais leitores e escritores ficam mais próximos. É possível lançar um livro de forma quase autônoma ou, em alguns casos, com o apoio de editoras especializadas. Como não há o custo de produção e distribuição, o livro fica muito mais barato e gera menos ônus para a gráfica, deixando que as fatias do bolo sejam mais igualitárias. Quem ganha? O leitor, que pode comprar pubicação até 30% mais baratas, além de levar consigo dezenas de milhares de livros para cima e para baixo.

Abaixo confira um megainfográfico com dados, estatísicas e curiosidades acerca do universo dos e-books no Brasil.

infografico-e-books

 

Fonte:BlogMidia8

Fale com Especialistas.