08 jun Dicas para o profissional pouco experiente online

Criei meu primeiro site em 1997, e acompanhei todas as fases da internet. Desde a euforia inicial até o estouro da bolha nos anos de 2000/2001. Depois houve um período de vacas magras, mas nos últimos anos o mercado digital se tornou o centro das atenções com um crescimento expressivo a cada ano.

Com a ascensão do Google como a porta de entrada para internet para grande parte das pessoas, um novo mercado se formou – o “Seach Marketing” – que envolve estratégias de conquistar visibilidade nos sites de busca.

nuvem-tags-mercado-digital

As redes sociais também conquistaram seu espaço no marketing digital. Destacar-se neste mercado é um desafio para o profissional, pois o currículo tradicional definitivamente não é o melhor “cartão de visitas” para o profissional 2.0.

1. Crie seu perfil no LinkedIn

O LinkedIn.com é o site de relacionamento de negócios mais popular da atualidade. Muitas empresas o utilizam para pesquisar profissionais e pedir recomendações. Além disso, ter um link com seu currículo no LinkedIn é muito interessante para assinatura do seu e-mail. (Exemplo: http://br.linkedin.com/in/okabe)

O LinkedIn está disponível em português – http://www.linkedin.com/portugues

.

2. Comece a usar o Twitter

Lembra quando o Skype e o MSN eram novidades? As pessoas que souberam tirar proveito destas ferramentas se destacaram das outras que demoraram a adotá-las.

O Twitter já se consolidou como uma das redes sociais de maior relevância da atualidade e muitas pessoas o utilizam no seu dia-a-dia. Usar o Twitter é obrigatório para o profissional que deseja se destacar no mercado digital.

3. Crie um blog

O blog é uma ferramenta de comunicação que permite divulgar ideias e opiniões de maneira livre. As empresas estão investindo cada vez mais em blogs corporativos, consequentemente haverá um aumento de demanda por profissionais que tenham experiência com blogs.

O que está esperando? Visite o WordPress ou o Blogspot e crie o seu.

Se você não sabe o que publicar no blog, utilize-o para colocar seu portfolio profissional, principalmente se você é webdesigner.

Quando recebo currículos via e-mail e tem um link para o blog, é muito comum eu visitar apenas o blog e o currículo ficar em segundo plano.

4. Assinatura de e-mail

A assinatura do e-mail é uma maneira importante de destacar pontos importantes da sua experiência profissional. Faça links com seu perfil do LinkedIn, seu blog ou outro site que seja uma referência da sua experiência com marketing digital. Inclua Skype, MSN, Twitter etc. para facilitar o contato com as empresas de forma mais eficaz.

5. Faça um resumo da sua experiência no e-mail

Muitas vezes recebo e-mail com o texto “Segue meu currículo” ou algo similar. O e-mail é uma grande oportunidade para fazer um resumo de suas qualificações e personalizar o envio comentando pontos importantes sobre a empresa para qual está enviando seu currículo.

Se você possui experiência com desenvolvimento de projetos web, é recomendável que comente no corpo do e-mail dois ou três cases de sucesso. Comente brevemente sobre os pontos principais de cada projeto e lembre-se de incluir o link para visualização dos sites.

6. Conceitos básicos de search marketing

Com o advento do Google, o mercado de mídia mudou definitivamente. O usuário decide em qual resultado da busca irá clicar – seja um link patrocinado ou um resultado orgânico (gratuito). O search marketing reune estratégias para posicionar o(s) site(s) de sua empresa nas primeiras colocações do Google.

Há duas maneiras para colocar sua empresa no Google: através dos links patrocinados, os adwords, e da otimização de sites, ou SEO, de search engine optimization.

A primeira são técnicas para criar os anúncios pagos do Google. A otimização de sites para serem melhor posicionados nos buscadores são técnicas para organizar o conteúdo e estrutura do site, de modo a ser encontrado pelo seu potencial cliente no momento que ele faz uma busca.

Entender os principais conceitos de search marketing é essencial para se destacar no mercado digital da atualidade.

7. Crie uma campanha de links patrocinados

Os links patrocinados do Google (AdWords) são os pequenos anúncios que aparecem ao lado das buscas relacionados às palavras-chave pesquisas.

O AdWords revolucionou a mídia online, pois com incrível mecanismo de avaliação de cliques, concorrência, lances e posicionamento, democratizou a maneira de anunciar na internet, permitindo que empresas de pequeno e médio porte disputem o mesmo espaço com grandes empresas.

google-adwords

.

Iniciar uma campanha de links patrocinados é relativamente simples, porém otimizar o investimento e gerar conversões em vendas ou clientes que é o desafio. Crie uma campanha de AdWords para uma pequena empresa como forma de aprender a usar esta poderosa ferramenta.

8. Conheça os produtos da empresa Google

Além da busca, “a Google” possui dezenas de outros serviços, como Google Maps, Google Apps, GMail, Google Calendar, Google Docs, Google Tradutor.

Dentre eles destaco:

  • Google Docs. Plataforma de colaboração online com editor de textos, planilhas e apresentações.
  • Google Calendar. Calendário online com recursos para colaboração entre equipes.
  • Google Apps. Muito utilizado pelas empresas para centralizar os e-mails corporativos nos servidores do GMail, além de estar integrado ao Google Docs e Google Calendar.

9. Conheça WordPress e Joomla

O WordPress é a plataforma de criação de blogs mais utilizada em todo mundo, porém também é possível criar sites fáceis de gerenciar. Ele é muito simples de implantar e utilizar, sendo o preferido dos webdesigners que não têm muita familiaridade com programação.

O Joomla! é um sistema de gerenciamento de conteúdo de sites que tem sido utilizado em grandes projetos como Museu do Futebol, Fundação Fiocruz, USP, Frei Caneca Shopping e milhares de outros sites em todo mundo.

Os dois são desenvolvidos no conceito open source, ou código aberto, no qual qualquer programador pode estudar e melhorar o código.

10. Crie um perfil nas principais redes sociais

As redes sociais são a grande tendência do marketing digital da atualidade, porém ainda são poucas as agências digitais que sabem criar e oferecer serviços neste segmento.

Existem agências especializadas em redes sociais, porém as agências digitais tendem a oferecer o planejamento de ações em redes sociais como parte do leque de serviços.

O profissional que tiver familiaridade com as principais redes sociais terá maior facilidade em se destacar. Mas lembre-se: usar o Facebook não é ter apenas a FarmVille!

A internet já se tornou parte essencial para as profissões ligadas à comunicação, não apenas para o marketing. Portanto, é fundamental para o profissional estar atualizado sobre as principais tendências que podem ajudar em um mercado tão competitivo como o digital.

Fale com Especialistas.